Você sabia que os anti-inflamatórios podem afetar negativamente a sua saúde?

Os anti-inflamatórios não esteroides, chamados de AINES, são vendidos em sua maioria livremente, sem retenção de receita, em todas as farmácias do Brasil. Mas, você sabia que estas medicações podem ser uma ameaça para a sua saúde?

Publicado por Grupo Biocentro
em

Você sabia que os anti-inflamatórios podem afetar negativamente a sua saúde?

Os anti-inflamatórios não esteroides, chamados de AINES, são vendidos em sua maioria livremente, sem retenção de receita, em todas as farmácias do Brasil. Mas, você sabia que estas medicações podem ser uma ameaça para a sua saúde?

Quando utilizar?

Os medicamentos devem ser sempre tomados após prescrição médica, e por um tempo limitado. E, com os anti-inflamatórios, a situação não é diferente!

Eles são adotados pela população para diversos problemas e doenças, como: dores de cabeça, cólicas menstruais, dores de garganta, tratamento sintomático da gripe, amenizar febre, dores musculoesqueléticas, e muito mais.

Quais os tipos?

Em sua casa, você deve possuir diversos anti-inflamatórios, sendo cada um, vendido em embalagem diferente e com um nome diferente. E, apesar de estarem todos inseridos em uma mesma classe medicamentosa, eles possuem algumas particularidades:

Tipo de tecido: cada AINE possui afinidade por um tecido/órgão diferente. O ácido mefenâmico, um medicamento utilizado para cólica menstrual, tem mais afinidade pelo tecido ovariano, por exemplo.
Tempo de ação: alguns medicamentos são vendidos em maiores concentrações, com o objetivo de agirem em um determinado local, por maior período de tempo. Enquanto outros, podem ser o oposto.
Via de administração: para crianças, os medicamentos são vendidos em sua maioria, em gotas. Já para os adultos, encontram-se principalmente cápsulas e comprimidos.
Sendo assim, a escolha do melhor medicamento para cada situação, deve ser feita por um médico, que conhecerá todo o quadro clínico e assim, prescreverá a melhor forma de tratamento!

Quais os efeitos adversos destes medicamentos?

Que seus usos são amplos, nos já sabemos! Mas, como o uso de anti-inflamatórios pode interferir na sua saúde? Conheça a seguir!

Problemas gástricos: a dor de estômago é muito frequente em pacientes que fazem uso dessa medicação por muito tempo. Isso está relacionado com o bloqueio da produção de um muco protetor do órgão, que acaba por “facilitar” e predispor o aparecimento de lesões (podendo inclusive, resultar em gastrite e úlceras).
Problemas cardíacos: medicamentos específicos, como o colecoxibe, pode apresentar uma série ameaça para pacientes com insuficiência cardíaca ou hipertensão arterial. O uso crônico (isto é, por longos períodos de tempo) de todos os medicamentos desta classe (dos coxibes), pode resultar em doenças do aparelho cardíaco. Portanto, o acompanhamento médico é essencial!
Insuficiência renal: ações diversas dos anti-inflamatórios no rim fazem com que este tenha uma deficiência em seu funcionamento, se houver o uso em longo prazo. Inclusive, pacientes com problemas renais podem evoluir para formas graves, por conta dos AINES.
Hepatotoxicidade: determinados AINES, como o paracetamol, são extremamente tóxicos, principalmente para o fígado. O consumo inadequado e em doses maiores que o recomendado, pode levar inclusive à morte.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Você sabia que os anti-inflamatórios podem afetar negativamente a sua saúde?

Enviando Comentário Fechar :/