Melasma: 7 características que você precisa saber!

Melasma são basicamente manchas escurecidas que aparecem na pele, em regiões de maior exposição solar: rosto, colo e braços. Resultam de uma proliferação exacerbada de melanina, a responsável por dar cor à pele.

Publicado por Grupo Biocentro
em

Melasma: 7 características que você precisa saber!

Melasma são basicamente manchas escurecidas que aparecem na pele, em regiões de maior exposição solar: rosto, colo e braços. Resultam de uma proliferação exacerbada de melanina, a responsável por dar cor à pele.

Saiba a seguir, 7 informações sobre este assunto!

  1. Sua causa não é unicamente a exposição solar

Preconiza-se que os melasmas são causados pela exposição solar, porém este não é o único fator desencadeante!

Atualmente, existem estudos que demonstram uma série de alterações hormonais e vasculares que podem favorecer a formação das manchas escuras na pele.

  1. A presença de casos na família aumenta as chances de desenvolver

Uma das possíveis causas dos melasmas é a hereditariedade. A presença de casos na família serve de fator de alerta para a prevenção deste incômodo!

  1. Ser mulher é um fator de risco

Sabe-se que aproximadamente, 90% dos melasmas atingem as mulheres, sendo muito mais frequentes durante a gravidez.

Tal ideia, reforça que esta manifestação dermatológica está relacionada com hormônios, principalmente os femininos.

  1. Deve-se evitar a exposição solar excessiva

A prevenção é sempre o melhor remédio! Existem medidas simples que evitam o desenvolvimento de melasmas e que devem ser adotados principalmente pelas pessoas com maior suscetibilidade:

  •  Uso de protetor solar;
  •  Evitar a exposição excessiva ao sol e calor;
  •   Uso de bonés, chapéu e guarda-sol, principalmente quando se vai a praia.

São medidas simples, mas que podem prevenir este desconforto estético, que incomoda milhares de mulheres!

  1. Apostar em uma dieta rica em antioxidantes é uma boa escolha

Ainda falando na prevenção, uma das formas de evitar o surgimento de melasmas, é investindo em uma dieta antioxidante: estes compostos evitarão a manifestação e radicais livres, que fazem parte do processo de formação das manchas.

Existem também, comprimidos que contém antioxidantes, ajudando nesta prevenção!

  1. Pode trazer complicações

O melasma não causa o desenvolvimento de outras doenças, porém, se não for tratado adequadamente e no seu início, poderá deixar sequelas na pele.

A tendência é que as manchas aumentem, tornando difícil a sua reversibilidade. Portanto, busque seu dermatologista enquanto é tempo!

  1. O tratamento pode ser feito de diversas formas

Depois de manifestadas as manchas, deverá ser feita uma avaliação dermatológica, para determinar a melhor forma de tratamento.

Podem ser utilizados cremes clareadores, porém, o método funciona apenas para manchas menores, em poucos pacientes.

Ainda, existe a possibilidade de realização de peeling em consultório, utilizando os compostos mais adequados para cada caso.

Existem também medicamentos, geralmente à base de tretinoína, que auxiliam no desaparecimento das manchas.

Mas lembre-se sempre que a melhor forma é a prevenção, através do uso de filtro solar!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Melasma: 7 características que você precisa saber!

Enviando Comentário Fechar :/