Infecção urinária: 3 maneiras de prevenir a doença

Um dos problemas mais recorrentes em toda a clínica médica é, sem dúvidas, a infecção urinária. A doença é responsável por levar centenas de pessoas aos consultórios médicos e causa sintomas bastante desconfortáveis.

Publicado por Grupo Biocentro
em

Infecção urinária: 3 maneiras de prevenir a doença

Um dos problemas mais recorrentes em toda a clínica médica é, sem dúvidas, a infecção urinária. A doença é responsável por levar centenas de pessoas aos consultórios médicos e causa sintomas bastante desconfortáveis.

Embora possa ser simples e de fácil resolução, o problema pode causar complicações muito sérias e inclusive apresentar risco para a vida dos pacientes.

Pensando nisso, preparamos um post para tirar todas as suas dúvidas sobre a doença e ensiná-la a se manter bem longe de seu dia a dia. Boa leitura!

O que é infecção urinária?
Popularmente chamada de infecção urinária, a infecção do trato urinário é uma contaminação bacteriana em qualquer parte do sistema urinário (rins, ureteres, bexiga e uretra).

É mais comum em mulheres do que em homens, e um dos principais motivos para a sua ocorrência é que a uretra feminina — tubo que transporta a urina da bexiga para fora do corpo — é bem curta, o que facilita a entrada de bactérias até a bexiga.

Outro motivo que aumenta o risco de contaminação em mulheres é a proximidade do ânus com a entrada da uretra. A limpeza incorreta da área pode transferir bactérias do intestino para o sistema urinário.

O diagnóstico pode ser feito por muitos médicos, entre eles o urologista e a ginecologista.

Os sintomas da infecção são:

vontade forte e persistente de urinar, saindo em pequenas quantidades;
sensação de queimação ao urinar;
urina com um forte cheiro ou com coloração vermelha ou rosa (sinal de presença de sangue);
dor ou pressão nas costas ou na região pélvica;
cansaço;
febre ou calafrios.
Quais malefícios a doença pode trazer?
Quando tratada corretamente com o auxílio de médicos e especialistas e da medicação adequada, a contaminação raramente causa complicações. Entretanto, os malefícios são muito mais comuns em infecções que não foram tratadas direito, fato muito recorrente. Podem ocorrer problemas como:

grávidas: alto risco de parto prematuro e/ou com bebês de baixo peso;
dano permanente aos rins quando há pielonefrite (infecção nos rins);
infecções recorrentes, que vão e voltam diversas vezes dentro de um ano;
homens: pode causar um estreitamento da uretra em casos de inflamações recorrentes.
Como se prevenir da doença?
1. Beba muita água
Ingerir água, ou líquidos num geral, ajuda a diluir a urina e fazer com que a pessoa vá ao banheiro mais vezes. Isso ajuda a expulsar a bactéria do trato urinário antes que uma infecção comece.

2. Tenha cuidados no sexo
O mais recomendado é o uso da camisinha, mas caso não use, limpe a região genital antes da relação sexual. Também é recomendado que se urine após o ato sexual para expulsar qualquer bactéria que possa ter entrado.

3. Cuide da higiene
Limpar de forma correta — de frente para trás — ao terminar de urinar previne que bactérias da região anal passem para a entrada da uretra. Outra dica é não usar sabonetes íntimos nesta região, pois causam irritação e desequilíbrio no pH.

Como podemos ver, a infecção urinária é um problema relativamente comum nos consultórios médicos. Seguindo as nossas dicas de prevenção, você estará mantendo a enfermidade longe e garantindo a saúde não só de seu trato urinário, como de todo o organismo!

Conhece mais alguma dica para a prevenção da infecção urinária que não foi citada em nosso post? Conte para a gente nos comentários!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Infecção urinária: 3 maneiras de prevenir a doença

Enviando Comentário Fechar :/