Dor de ouvido: conheça as 4 principais causas

A dor de ouvido é uma reclamação muito comum em estações mais frias. Extremamente incômoda, ela pode ser causada por diferentes motivos e ainda pode indicar problemas de saúde que vão desde uma simples infecção de garganta até problemas mais sérios, como o rompimento do tímpano.

Publicado por Grupo Biocentro
em

Dor de ouvido: conheça as 4 principais causas

A dor de ouvido é uma reclamação muito comum em estações mais frias. Extremamente incômoda, ela pode ser causada por diferentes motivos e ainda pode indicar problemas de saúde que vão desde uma simples infecção de garganta até problemas mais sérios, como o rompimento do tímpano.

Acompanhe a seguir as suas 4 principais causas e o que fazer para prevenir e tratar este sintoma:

Causas da dor de ouvido

A dor de ouvido pode aparecer tanto em adultos quanto em crianças. Existe uma série de motivos que levam a este sintoma. Os mais comuns são:

1. Infecções no ouvido

Muito comum em bebês, as infecções no ouvido (também chamadas de otites), geralmente, vêm acompanhadas de bastante dor, febre e aumento da temperatura dos ouvidos. Como consequência dos sintomas, os bebês ficam mais irritados e choram com frequência. 

2. Problemas dentários

Infecções nos dentes podem causar dores fortes no ouvido pela proximidade entre as regiões. Cáries profundas, dentes nascendo e inflamações da gengiva podem despertar dores, assim como problemas na articulação da mandíbula, como artrite ou disfunções no local.

3. Irritação do canal auditivo

A introdução de objetos como hastes flexíveis com pontas de algodão – popularmente conhecidas como cotonetes – pode ocasionar irritação do canal auditivo, que também provoca muita dor de ouvido.

Crianças costumam enfrentar esse problema com frequência, principalmente com brinquedos pequenos e objetos pontiagudos. É importante lembrar que cotonetes devem ser utilizados apenas de forma superficial, pelo risco de perfurar o tímpano e prejudicar a audição.

4. Alergias e infecções faciais

Quadros de rinite e sinusite podem gerar dor de ouvido, assim como alergias respiratórias. As dores de garganta por gripes, resfriados e amidalites também podem impactar os ouvidos, sendo sinal importante de infecção na região.

Como prevenir e tratar a dor de ouvido

A dor de ouvido pode ser sinal de várias doenças, como você viu no último tópico. Em todo caso, existem algumas formas de prevenir a ocorrência dela. Veja:

  1. Evite introduzir objetos no ouvido e use cotonetes com bastante cuidado, removendo apenas o excesso de cera;
  2. Tenha cuidado com shampoos e sabonetes na hora do banho para não deixar acumular resíduos deles dentro do ouvido;
  3. Seque bem os ouvidos depois de tomar banho ou praticar natação;

Para casos de dor de ouvido mais branda, ou alívio da dor até a consulta médica, os seguintes métodos podem ajudar a reduzir o desconforto:

  • compressas mornas no ouvido por 15 minutos;
  • analgésicos e remédios em gotas para dor de ouvido vendidos sem prescrição;
  • mascar chiclete pode diminuir a pressão nos ouvidos e aliviar a dor;
  • descansar em posição vertical também pode reduzir a pressão.

É fundamental procurar um médico caso a dor venha acompanhada de:

  • febre alta, acima de 38ºC;
  • inchaço nos ouvidos;
  • tonturas;
  • dores de cabeça.

Se a dor de ouvido durar mais de 3 dias, também é indicado procurar assistência médica. O especialista indicado é o otorrinolaringologista. Ele deve realizar uma avaliação clínica e solicitar exames específicos para diagnosticar o que está causando a dor.

Agora que você já conhece as causas e prevenções para a dor de ouvido, que tal assinar nossa newsletter? Fique por dentro dos nossos conteúdos e mantenha sua saúde em dia!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Dor de ouvido: conheça as 4 principais causas

Enviando Comentário Fechar :/