Diarreia: tudo que você precisa saber sobre o assunto!

A diarreia é uma condição médica muito frequente, que provavelmente irá ocorrer na vida de todos os indivíduos. Porém, é preciso estar atento com os sinais de desidratação e gravidade, que podem levar o indivíduo inclusive a morte. A seguir, conheça mais sobre o assunto e saiba o que fazer diante de cada situação.

Publicado por Grupo Biocentro
em

Diarreia: tudo que você precisa saber sobre o assunto!

Afinal, o que é a diarreia?

A diarreia pode ser definida pela presença de três ou mais evacuações aquosas em um único dia. Além disso, pode vir acompanhada de outros sinais e sintomas, como:

·        Ausência de apetite;

·        Náuseas e vômitos;

·        Presença de sangue nas fezes (caracterizando a disenteria);

·        Febre;

·        Emagrecimento;

·        Desidratação;

E muito mais.

Quais as causas da diarreia?

A diarreia é uma condição que pode se dever a uma série de condições, como efeito adverso de medicações, consequência de infecções virais ou bacterianas, intoxicações alimentares, e muito mais.

A causa do quadro também é responsável por definir a sua gravidade. Por exemplo, uma diarreia viral (também chamada de virose) tende a desaparecer espontaneamente, diferentemente de uma diarreia causada por bactéria, que tende a ser mais grave e precisa de antibióticos.

Nestas situações, entrar em contato com o médico de sua confiança é essencial para avaliar a gravidade e decidir qual será o melhor tratamento.

Sinais de gravidade

A diarreia é especialmente grave em crianças pequenas, idosos e indivíduos que já possuíam alguma doença prévia. Além disso, agentes causadores de maior gravidade também complicam o quadro, podendo inclusive levar a morte.

Sendo assim, alguns sinais que refletem a desidratação devem sempre ser observados, como mucosas e pele secas, olhos “fundos”, diminuição do volume de urina, dentre outros.

Além disso, a febre alta, diminuição do nível de consciência e a sonolência são possíveis sinais de gravidade.

Portanto, é essencial buscar atendimento de emergência quando tais sinais estiverem presentes.

O que pode ser feito?

Prevenir a diarreia nem sempre é possível. Mas, algumas medidas podem ser adotadas no sentido de minimizar as chances:

·        Lavar bem os alimentos antes de consumi-los (principalmente frutas e verduras);

·        Levar a água à fervura antes de bebê-la;

·        Não engolir água do mar ou de piscinas;

·        Evitar contato com pessoas que estejam com virose;

·        Não alimentar-se em locais suspeitos ou de baixa higiene;

E muito mais.

Além disso, na presença de diarreia é essencial beber muita água, no sentido de repor aquilo que está sendo perdido. E, claro, buscar um médico de confiança sempre é a melhor opção nestas situações!

 

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Diarreia: tudo que você precisa saber sobre o assunto!

Enviando Comentário Fechar :/